Uno de ‘luxo’? Influenciador mostra ao g1 como é a saga de deixar o clássico da Fiat superequipado

0
Spread the love

Biscoito Senô chegou a 1 milhão de inscritos no Instagram e mais de 600 mil no TikTok ao trazer para as redes sociais a transformação que ele mesmo faz do ‘Juninho’, um Uno Mille 2008. Uno de ‘luxo’? Homem viraliza nas redes ao mostrar alterações no tradicional carro da Fiat
Já imaginou um Fiat Uno de “luxo”? Pois o influenciador Biscoito Senô está montando o seu, e registrando a transformação do veículo em uma série de vídeos nas redes sociais. Os 19 episódios da saga já têm mais de 200 milhões de visualizações.
Mas, afinal, por que transformar um Fiat Uno em um carro de luxo?
Senô fez fama no TikTok e Instagram com conteúdos do tipo DIY (o “Do it yourself, ou “faça você mesmo”), que são tutoriais simples de como reformar móveis, por exemplo. “O primeiro vídeo que estourou foi o de um aparador que eu achei na rua, levei para casa de ônibus e o transformei em uma luminária.”
“As primeiras séries de vídeos que eu fazia tinham o mote ‘do lixo ao luxo’, ou seja, eu pegava coisas na rua e levava para fazer conteúdo”, explicou o influencer, em entrevista ao g1.
Biscoito Senô e o Fiat Uno Juninho
Rafael Leal | g1
Em busca de mais material para fuçar, começou a frequentar feiras de antiguidades para encontrar itens que pudesse transformar. “Como eu ia de transporte de aplicativo e comprava coisas grandes, muitas vezes era difícil pegar um motorista que aceitasse transportar as compras que eu fazia nessas feiras. Foi quando eu percebi que precisava comprar um carro”, disse.
Em 2023, Senô encontrou o Fiat Uno Mille Economy 2008, que chamou de Juninho. O nome é justamente a junção do apelido que a maioria das pessoas dá para o modelo (Uninho) com um J no início para ficar mais autêntico.
Ele queria um automóvel que fosse econômico, com manutenção barata e que desse para carregar bastante coisa.
“Eu fui descobrindo essa paixão por ele no dia a dia, usando e vendo do que ele é capaz. É uma máquina!”
Antes do Juninho, Senô tinha 200 mil inscritos nas suas redes sociais. Hoje, após o 19º episódio, já chegou a quase 1 milhão de inscritos no Instagram e mais de 600 mil no TikTok.
LEIA MAIS
VÍDEO: testamos a primeira Tesla Cybertruck do Brasil, ao lado de Danielzinho Grau
Honda convoca recall para donos da Sahara 300 por desligamento do motor
Conheça a Bajaj, gigante indiana que vai produzir 20 mil motos por ano no Brasil
Biscoito Senô fez a mudança de São Paulo para Bauro no Juninho
Rafael Leal | g1
Série em construção
Biscoito Senô não revela seu nome, pois já sofreu com vazamento de dados e golpes financeiros. O influenciador de 26 anos se apresenta pelo apelido que recebeu na faculdade de Rádio e TV da Universidade Estadual Paulista (UNESP) de Bauru.
“Na minha área, é muito difícil achar trabalho no interior. Eu vim para São Paulo para trabalhar em uma empresa de publicidade. E foi aqui que migrei para criação de conteúdo. Em um primeiro momento, eu criava conteúdo para marcas e só depois é que comecei a fazer para mim”, afirmou Senô.
A série de transformação do Juninho começou em 8 de abril deste ano e, três meses depois, Senô apresentou pelo menos uma mudança por semana no Fiat Uno. (veja todas elas abaixo)
A lista de mudanças no interior do Juninho já conta com vidros elétricos, porta-copos do Palio, abertura do porta-malas via botão e muito mais
Rafael Leal | g1
No episódio em que Senô troca o volante do Juninho, são mais de 11 milhões de visualizações. “A média hoje é de 6 milhões por vídeo, é muito assustadora a diferença”, relatou o influenciador.
“É desesperador porque eu não faço ideia de onde isso vai parar. Eu tomo todo cuidado do mundo porque trocar um volante, por exemplo, é algo que exige bastante responsabilidade. Mas eu tenho um lema: se alguém já fez, eu posso fazer”, afirma Senô, que não fez curso de mecânica e mexe no carro por pura curiosidade.
“Quando eu entro nessa jornada, eu geralmente fico uma semana deitado embaixo do carro em posição fetal desmontando tudo e mexendo com fios que eu não faço ideia do que fazem. Algumas vezes dá muito errado. Mas eu aprendo, conserto e sempre funciona”, prossegue.
Juninho continua com as mesmas características técnicas de fábrica: 66 cv de potência e 9,1 kgfm de torque
Rafael Leal | g1
Senô conta que tem o cuidado de mostrar em que aspectos sua audiência deve tomar cuidado ao fazer as modificações, e como fez para dar certo. Ele diz que não fazia ideia das diversas possibilidades de modificação que um veículo traz.
“Recebo muitas sugestões de pessoas que estão dentro do universo de carro e que já mexeram em várias coisas. Mas também existem aquelas ideias absurdas, como botar uma porta que abre para cima em um Uno”, diz Senô.
“A ideia não é virar um Frankenstein. São capítulos de uma série que eu estou entregando para a minha audiência, e eu preciso ver o que faz sentido ou não para o meu público.”
Até o fechamento desta reportagem, Senô já tinha investido cerca de R$ 10 mil para transformar o Juninho. “E até agora eu só fiz coisas baratas, daqui para frente eu vou gastar muito mais”, falou, coçando a cabeça e rindo de nervoso.
Dianteira do Fiat Uno Mille Economy 2008 e o Juninho
Initial plugin text
As mudanças de Juninho
O Fiat Uno Mille Economy 2008, quando foi lançado, tinha uma lista de equipamentos bastante enxuta. A versão de entrada não tinha ar-condicionado, direção hidráulica ou sequer vidros e travas elétricas.
O acabamento era bastante simples, tinha o mínimo de tecnologia e um motor que sempre priorizou o consumo de combustível no lugar do desempenho.
Quando começou a transformação, Senô só queria deixar o Juninho um pouco mais prático para o dia a dia. “Passei em um drive-thru e percebi que não tinha onde encaixar um copo. Foi aí que eu vi na internet que dava para instalar o porta-copos do Fiat Palio e que eram só três parafusos para colocar. Poxa, três parafusos eu mesmo coloco”, contou o influencer.
Até agora, as mudanças são:
Volante do Fiat Pulse com comando adaptado;
Vidro elétrico dianteiro;
⁠Retrovisor elétrico;
⁠Grade do Fiat Argo;
⁠Sensor de Estacionamento;
Lanterna cristal;
⁠Manta acústica e térmica no capô;
⁠Tratamento acústico nas portas dianteiras;
⁠Instalação de um kit duas vias nas portas;
Trava elétrica no porta-malas;
⁠Console central com porta copos do Palio;
⁠Apoio de braço;
⁠USB para carregar celular acoplado no console;
⁠Tapetes novos;
⁠Alarme por aplicativo;
Cintos de segurança retráteis;
Faróis com máscara negra;
Botão de start-stop para ligar e desligar o carro;
Chave canivete.
A traseira do Juninho ganhou lanternas cristais
Initial plugin text
Contudo, a lista de equipamentos de Juninho vai aumentar nos próximos meses, segundo Senô. E ele já deu um spoiler exclusivo para o g1.
Vêm aí:
Central multimídia;
Painel digital de 12 polegadas;
Kit de reforço para o chassi;
Sensor de aproximação para abrir as portas sem apertar o botão na chave;
Rodas de liga leve.
“Coisa para fazer é o que não falta”, finalizou o influenciador.
Vamos aguardar os próximos capítulos.
Initial plugin text
Influenciador já mudou mais de 20 itens no carro
Rafael Leal | g1

Sobre o Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *