Pagamentos de junho para aposentados e pensionistas do INSS começam nesta segunda-feira; veja calendário e como consultar

0
Spread the love

Pagamentos serão feitos para os beneficiários que ganham até um salário mínimo. INSS realiza mutirão de perícia médica na Bahia
Divulgação/INSS
O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começa a fazer os pagamentos de junho de aposentados e pensionistas que recebem até um salário mínimo (R$ 1.412) nesta segunda-feira (24). Veja como saber quanto vai receber.
Para aqueles que recebem acima desse valor, os pagamentos só começarão em 1º de julho.
Os primeiros a receber serão os beneficiários com Número de Identificação Social (NIS) com final 1. (veja o calendário mais abaixo)
Também receberão nesta segunda-feira os beneficiários que residem no Rio Grande do Sul e foram atingidos pelas fortes chuvas que inundaram o estado em maio.
Segundo o INSS, a antecipação do calendário para essas pessoas vai prevalecer até que seja determinado o fim do estado de calamidade pública do RS.
Atualmente, segundo o instituto, são pagos mensalmente 39,9 milhões de benefícios.
Confira o calendário de pagamentos do INSS deste mês:
Final do NIS: 1 – pagamento em 24/06
Final do NIS: 2 – pagamento em 25/06
Final do NIS: 3 – pagamento em 26/06
Final do NIS: 4 – pagamento em 27/06
Final do NIS: 5 – pagamento em 28/06
Final do NIS: 6 – pagamento em 01/07
Final do NIS: 7 – pagamento em 02/07
Final do NIS: 8 – pagamento em 03/07
Final do NIS: 9 – pagamento em 04/07
Final do NIS: 0 – pagamento em 05/07
Para uma aposentadoria tranquila, piso do INSS deveria ser 9 vezes maior, diz Louise Barsi
Como saber quanto vai receber?
Os segurados podem consultar os valores no site ou no aplicativo “Meu INSS”. Veja como:
Abra o site ou aplicativo Meu INSS, disponível para os sistemas Android e iOS;
Faça login na tela inicial;
Clique no serviço de “Extrato de pagamento” para ter aceso ao extrato e todos os detalhes sobre o pagamento do benefício.
Já caso o segurado não tenha acesso à internet, ele precisará ligar para a Central 135. Ao fazer a chamada, basta informar o número do CPF e confirmar algumas informações cadastrais para evitar fraudes. Nesse caso, o atendimento está disponível de segunda-feira a sábado, das 7h às 22h.
Como transferir o local de recebimento do benefício?
Segundo o INSS, aqueles que precisarem transferir o local de recebimento do benefício poderão fazer todo o processo pelo site ou aplicativo Meu INSS, não sendo necessário ir até uma agência da Previdência.
Para isso, basta fazer login na página inicial e fazer a solicitação por meio do serviço “Alterar local e forma de pagamento”. Caso o beneficiário não tenha acesso à internet, também poderá fazer o pedido por meio da Central 135.
Vale lembrar que o pagamento de benefícios é feito por meio de cartão magnético, sem necessidade de abertura de conta bancária e sem custos adicionais ao beneficiário.

Sobre o Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *