Orbán e Milei querem lutar juntos “contra a esquerda internacional”
Orbán e Milei querem lutar juntos “contra a esquerda internacional”
Presidente eleito da Argentina, Javier Milei| Foto: Eliana Obregón/Télam

O primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orbán, e o presidente eleito da Argentina, Javier Milei, conversaram sobre uma cooperação política para “tornar mais efetiva a luta contra a esquerda internacional”, neste sábado (09), em Buenos Aires. A afirmação foi feita pelo chefe de imprensa de Orbán, Bertalan Havasi, à agência de notícias húngara “MTI”.

Na conversa entre os dois políticos foi discutido assuntos relacionados as relações bilaterais e a cooperação política para “tornar mais efetiva a luta contra a esquerda internacional”. Orbán viajou à Argentina para a posse de Milei que acontecerá neste domingo (10). Ele disse que o futuro presidente argentino é “uma esperança para a América Latina”.

“Uma nova esperança para a América Latina. Parabenizei o presidente Milei pela sua vitória esmagadora nas eleições presidenciais da Argentina. Obrigado pelo convite!”, afirmou Orbán, pelas redes sociais.

Em Buenos Aires, Orbán se reuniu também com o presidente do partido espanhol Vox, Santiago Abascal, e com o ex-presidente do Brasil, Jair Bolsonaro.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.