Milei se encontra com Papa Francisco e o presenteia com alfajores
Milei se encontra com Papa Francisco e o presenteia com alfajores

O presidente da Argentina, Javier Milei, se reuniu com o papa Francisco na manhã desta segunda-feira (12), no Vaticano. O encontro ocorreu das 9h às 10h do horário local (5h às 6h de Brasília), e o presidente presenteou o pontífice com alfajores de doce de leite e biscoitos de limão.

Milei também entregou ao papa Francisco uma cópia da carta manuscrita do chanceler José María Gutiérrez a Juan Bautista Alberdi, datada de 1854, e um quadro com a imagem do cartão postal comemorativo da primeira santa argentina, Mama Antula, canonizada neste domingo.

Já o pontífice entregou ao presidente argentino sua mensagem de paz para este ano, alguns dos seus escritos e um medalhão de bronze com uma cruz e uma pomba, que se inspira no baldaquino da Basílica de São Pedro feita por Gian Lorenzo Bernini “e que simboliza a harmonia entre o sagrado e o divino, unindo o céu e a terra”. Esses presentes costumam ser entregues a todos que o papa.

No caminho até
o local do encontro, Milei parou em frente à embaixada argentina para tirar
foto com compatriotas e participou de uma reunião com o secretário de Estado do
Vaticano, Pietro Parolin.

Depois, foi recebido pelo chefe da Prefeitura da Casa Pontifícia, Leonardo Sapienza, e levado a um passeio pelos corredores decorados até chegar à Segunda Loggia, onde fica a biblioteca do apartamento pontifício, onde são realizadas as audiências.

O presidente
estava acompanhado da irmã e secretária-geral da Presidência, Karina Milei; sua
ministra das Relações Exteriores, Diana Mondino; o titular do Interior,
Guillermo Francos; a de Capital Humano, Sandra Pettovello; o Secretário de
Cultura, Francisco Sánchez, e o embaixador em Israel, rabino Axel Wahnish.

Milei assistiu à missa de canonização da primeira santa argentina

No domingo (11), Javier Milei assistiu à missa de canonização da beata María Antonia de Paz y Figueroa, conhecida como Mama Antula. Ela foi beatificada em 2016 em Santiago del Estero, na Argentina, após o Papa autorizar a publicação de um milagre da recuperação da saúde da freira Vanina Rosa, por intercessão de Mama Antula.

Vanina Rosa havia sofrido um AVC em 1904 e fazia parte da Sociedade Filhas do Divino Salvador, cuja fundadora e mãe espiritual da congregação foi justamente a agora primeira santa da Argentina.

Após a missa de canonização, papa Francisco e o presidente da Argentina, Javier Milei, se cumprimentaram e se abraçaram. O encontro representa uma espécie de fim de um clima da época eleitoral, na qual o agora mandatário argentino fez duras críticas ao pontífice.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.