Estilista italiano Roberto Cavalli morre aos 83 anos

0

O estilista italiano Roberto Cavalli, conhecido por suas estampas de animais e seu estilo chamativo que o tornou o favorito da “jet set” internacional por décadas, morreu nesta sexta-feira (12) aos 83 anos. O designer de moda faleceu em sua casa em Florença, na Itália. A informação foi confirmada nas redes sociais da marca que leva seu nome pelo diretor criativo, Fausto Puglisi, e pelo CEO Sergio Azzolari. A causa da morte ainda não foi revelada. Cavalli começou a ganhar destaque na década de 1970, quando estrelas como Sophia Loren e Brigitte Bardot usavam suas roupas que revelavam a pele e que décadas depois foram usadas por celebridades como Kim Kardashian, Jennifer Lopez e Lenny Kravitz. Mais recentemente a cantora Anitta vestiu Cavalli no festival Coachella, em 2022, com uma estampa nas cores da bandeira brasileira. Ele era famoso pelo uso de couro estampado e jeans e sempre apostava no elemento surpresa em seus designs.

Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Nascido em 15 de novembro de 1940 em Florença, o principal centro de artigos de couro da Itália, o ícone fashion começou a pintar camisetas para ganhar dinheiro enquanto estudava arte. Nos anos 1970, abriu uma loja em Saint Tropez, um ponto de encontro da moda mundial, e apresentou sua coleção em Paris. Já na década seguinte, os designs exóticos e reconhecíveis de Cavalli contrastavam com o visual minimalista então na moda, mas o estilista retornou com força nos anos 1990 com jeans desgastados que foram um sucesso. Mais tarde, seu império da moda se expandiu para decoração, vinho, sapatos, joias e até mesmo uma linha de vodca, cujas garrafas eram revestidas de pele de cobra.

Veja post da marca no Instagram

*Com informações da AFP

Sobre o Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *