Dólar opera em alta, após inflação acima do esperado; Ibovespa cai
Dólar opera em alta, após inflação acima do esperado; Ibovespa cai

Na véspera, a moeda norte-americana subiu 0,11%, cotada a R$ 4,9679. Já o principal índice de ações da bolsa de valores brasileira encerrou com queda de 0,36%, aos 129.950 pontos. Cédulas de dólar
Pexels
O dólar opera em alta nesta quinta-feira (8), conforme investidores digeriam os novos dados do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país.
O indicador subiu 0,42% em janeiro, desacelerando em relação ao observado no mês anterior (+0,56%), mas ainda acima das expectativas do mercado, que projetavam uma alta de 0,35%.
Eventuais falas de dirigentes do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) e a temporada de balanços corporativos também ficavam no radar.
O Ibovespa, principal índice acionário da bolsa de valores brasileira, a B3, operava em queda.
Veja abaixo o resumo dos mercados.
Dólar
Às 10h25, o dólar tinha alta de 0,21%, cotado a R$ 4,9785. Veja mais cotações.
No dia anterior, a moeda norte-americana subiu 0,11%, cotada a R$ 4,9679.
Com o resultado, acumulou:
queda de 0,01% na semana;
ganho de 0,62% no mês;
avanço de 2,38% no ano.

Ibovespa
No mesmo horário, o Ibovespa caía 0,17%, aos 129.733 pontos.
Na véspera, o índice encerrou com um recuo de 0,36%, aos 129.950 pontos.
Com o resultado, acumulou:
alta de 2,19% na semana;
avanço de 1,73% no mês;
e queda de 3,15% no ano.

LEIA TAMBÉM
DINHEIRO OU CARTÃO? Qual a melhor forma de levar dólares em viagens?
DÓLAR: Qual o melhor momento para comprar a moeda?
Entenda o que faz o dólar subir ou descer
O que está mexendo com os mercados?
Por aqui, o principal destaque desta quinta-feira (8) fica com o IPCA brasileiro, considerado a inflação oficial do país.
Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o indicador registrou uma alta de 0,42% em janeiro deste ano. O resultado representa uma desaceleração tanto em comparação a dezembro, quando subiu 0,56%, quanto em relação a igual mês do ano passado, quando teve um avanço de 0,53%.
Com isso, o país tem uma inflação acumulada de 4,51% em 12 meses.
O resultado veio acima das expectativas do mercado financeiro, que esperavam aumento de 0,35% dos preços em janeiro. No acumulado, era esperada uma alta de 4,43%.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.