CHICO BUARQUE 80 ANOS – Shows festejam aniversário do artista no Rio de Janeiro e São Paulo ao longo do mês

0

Programação de junho inclui tributos de Quarteto do Rio, Theo Bial, Moyseis Marques, Claudette Soares, Claudio Lins, Olivia Hime e Mulheres de Chico. ♪ CHICO BUARQUE 80 ANOS – Quando as 46 integrantes da Orquestra Sinfônica Juvenil Chiquinha Gonzaga subirem hoje ao palco do Theatro Municipal do Rio de Janeiro para tocar o cancioneiro autoral de Chico Buarque, com a participação da cantora Mônica Salmaso em músicas como o bolero Anos dourados (Antonio Carlos Jobim e Chico Buarque, 1986), estará aberta a temporada de shows que celebrarão o 80º aniversário do artista ao longo deste mês de junho de 2024.
Para saudar os 80 anos que Chico Buarque festejará em 19 de junho, o Blog do Mauro Ferreira também inicia hoje série de textos comemorativos da efeméride mais importante da MPB em 2024. E o primeiro texto é justamente um apanhado dos shows que celebram Chico no circuito carioca e paulistano ao longo do mês.
Compositor revelado em 1964 com a edição de single em que a cantora Maricenne Costa apresentou Marcha para um dia de sol e com a inclusão de Tem mais samba na trilha sonora do musical Balanço de Orfeu, estreado em dezembro daquele mesmo ano de 1964, Chico Buarque completa 80 anos de vida e 60 de música como um dos gigantes da MPB que irrompeu nos palcos dos festivais da segunda metade da década de 1960.
Exímio letrista, autor de versos escritos com precisão cirúrgica, Chico também é grande melodista, criador de linhas originais, mas nem por isso deixou de firmar parcerias com melodistas do naipe sublime de Antonio Carlos Jobim (1927 – 1994), Edu Lobo e Francis Hime.
A obra do artista é rica em qualidade e quantidade. É esse cancioneiro que ecoará nos palcos ao longo de junho na série de shows em homenagem à vida, à obra e ao tempo do artista octogenário.
♪ Eis os shows em tributo aos 80 anos de Chico Buarque que serão apresentados ao longo de junho nas cidades de Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP):
♪ 3 de junho no Theatro Municipal do Rio de Janeiro (RJ) – Chiquinha toca Chico – 80 anos do mestre Chico – A Orquestra Sinfônica Juvenil Chiquinha Gonzaga toca músicas do compositor com a participação de Mônica Salmaso e regência de Priscila Bonfim.
♪ 6 de junho no Espaço Cultural BNDES (RJ) – O grupo carioca Instituto Memória Musical Brasileira apresenta o show Tributo a Chico Buarque – Quem te viu, quem te vê. Com arranjos do pianista Cristovão Bastos, integrante da banda, os cantores Marcus Lima e Thaís Motta dão vozes a 22 músicas em roteiro que vai de A banda (1966) a Que tal um samba? (2022).
♪ 8 de junho no Teatro Adolfo Bloch (RJ) – Claudio Lins apresenta o show Chicoteatro – Claudio Lins canta Chico Buarque com roteiro centrado nas composições feitas pelo artista para trilhas sonoras de peças, balés e musicais de teatro como Gota d’água (1975), Ópera do malandro (1978) e O grande circo místico (1983).
♪ 10 de junho no Teatro Santander (SP) – Estreia em São Paulo do show Chiquinha toca Chico – 80 anos do mestre Chico em que Orquestra Sinfônica Juvenil Chiquinha Gonzaga aborda músicas do artista com a participação de Mônica Salmaso e regência de Priscila Bonfim.
♪ 13 de junho no Espaço Cultural BNDES (RJ) – Quarteto do Rio canta Chico Buarque. Descendente do grupo Os Cariocas, o quarteto enfileira 15 músicas do compositor em roteiro que inclui músicas menos cantadas como Januária (1968), Brejo da cruz (1984) e Blues pra Bia (2017).
♪ 15 de junho no Blue Note Rio (RJ) – Em Theo Bial canta Chico Buarque, o cantor carioca dá voz ao compositor sob direção artística de Analimar Ventapane. Além de cantar, Theo toca violão e divide o palco com três percussionistas (Raoni Ventapane, Guido Ventapane e Kaká Nomura), o flautista Felipe Miranda e o baixista Guilherme Salgueiro. Ela faz cinema (samba de aura bossa novista, de 2006) e Grande hotel (1996), parceria de Chico com Wilson das Neves (1936 – 2017), são boas lembranças do roteiro.
♪ 19 de junho no Dolores Club (RJ) – Inédito, o show Moyseis Marques e Claudio Lins visitam Chico Buarque reúne dois cantores que já faziam shows centrados no cancioneiro do compositor. No dia do 80º aniversário de Chico, Moyseis e Claudio unem forças, vozes e repertórios com os toques do piano de Herberth Souza e do violão do próprio Moyseis Marques.
♪ 20 de junho no Espaço Cultural BNDES (RJ) – Olivia Hime e Francis Hime reapresentam o show Dois Franciscos. Um dos Franciscos do título é, claro, Chico Buarque, parceiro do outro Francisco, Francis.
♪ 21 de junho no Teatro Rival (RJ) – Mulheres de Chico celebram os 80 anos de Chico Buarque. Primeiro bloco carnavalesco integralmente feminino, o grupo põe na rua show em que prioriza sambas e temas políticos da obra do compositor. Apesar de você (1970) está no roteiro.
♪ 22 de junho no Museu da Imagem e do Som de São Paulo (SP) – Dentro da programação do ciclo multimídia Chico 80, criado pelo Mis paulistano, Claudette Soares reapresenta o show de 2023 em que canta músicas de Chico Buarque, com ênfase na produção do compositor nos anos 1960. O show gerou disco gravado em estúdio e lançado em março deste ano de 2024.
♪ 28 de junho no Museu da Imagem e do Som de São Paulo (SP) – Fechando o ciclo Chico 80 do Mis paulistano, o cantor Ayrton Montarroyos é o convidado da edição do Estéreo Mis para dar voz a algumas músicas de Chico Buarque de Hollanda.

Sobre o Autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *