A FIFA terá que indenizar os jogadores que se machucaram em campo?
A FIFA terá que indenizar os jogadores que se machucaram em campo?

Para aqueles que acompanham os jogos do Brasil na Copa do Mundo no Catar, já é de conhecimento que alguns dos jogadores da seleção sofreram lesões.

Entre eles, Neymar, que voltou a campo, Alex Telles e Gabriel Jesus, que ficaram fora da Copa. Dessa maneira, a FIFA (Federação Internacional de Futebol) deverá indenizar seus clubes.

Apenas para os clubes Sevilla e Arsenal, dos jogadores Alex Telles e Gabriel Jesus, respectivamente, a federação deve o valor de 7,5 milhões de euros, ou melhor, R$ 41 milhões.

Até que a Copa do Mundo seja finalizada, esse valor poderá chegar a 15 milhões de euros, o que equivale a 82 milhões de reais.

Como funciona o “Seguro FIFA”?

A FIFA precisa pagar esse valor justamente pelos jogadores que estão dentro das cláusulas do acordo. As condições para isso estão inseridas no Programa de Proteção aos Clubes.

Esse é um seguro para os casos em que os jogadores são lesionados em partidas oficiais de suas marcas nacionais. Esse seguro para os jogadores vale desde o dia em que o jogador viaja para participar da competição, até a meia-noite do último dia.

O seguro é acionado quando o jogador se lesiona e, consequentemente, recebe um atestado médico. Esse prescrito pelos médicos deve ser de mais de 28 dias consecutivos.

O cálculo dessa “multi” é feito com base no salário do jogador lesionado, mas o teto diário para a dívida é de 20,5 mil euros. Em reais, o valor é de R$ 113 mil.

Esse contrato feito, por outro lado, tem cláusulas que resguardam a FIFA, como em casos de encerramento de contrato, que o jogador fica parado por mais de um ano ou em casos de morte.

A recuperação dos jogadores

Ambos os jogadores da seleção brasileira se lesionaram no jogo contra os Camarões, em que o time brasileiro perdeu. Nesse jogo, os reservas atuaram como time principal, para que os titulares pudessem descansar para as oitavas de final, já que o Brasil já estava classificado.

A recuperação de Alex Telles não precisará de intervenção cirúrgica, diferente do caso de Gabriel Jesus. O atacante do Arsenal poderá ficar fora dos campos por até três meses, pois precisou passar por uma cirurgia no joelho.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.